Arquivos

Categorias

Home » Advocacia Empresarial, Comunicação Social, Destaques, Direito Educacional, Eventos

Livro- A Era da Curadoria- O que importa é saber o que importa!

22 setembro 2015 No Comment

O livro A era da curadoria

Captura de Tela 2015-09-22 às 21.43.09O que importa é saber o que importa! Educação e formação de pessoas em tempos velozes traz o encontro promovido pela coleção Papirus Debates entre o filósofo Mario Sergio Cortella e o jornalista Gilberto Dimenstein que discutem, entre outros temas, a importância da curadoria do conhecimento e destacam o elo entre educação e comunicação.

Com a expertise que lhes credencia discorrer sobre diversos aspectos da cidadania e da educação, os autores focam a conversa na figura do curador – o que consideram ser aquele que conhece, cuida e põe à disposição o que sabe de modo que seja uma referência e que também proponha uma reflexão.

Cortella e Dimenstein destacam ainda o eixo indissociável entre a educação e a comunicação, e como são vitais para a qualidade do ensino as relações interpessoais, as experiências vividas na prática, no dia a dia. De acordo com Cortella, “não temos que tirar as crianças da rua e levá-las para a escola; temos sim que levar a rua para dentro da escola, levar aquilo que elas vivenciam no cotidiano, de maneira que possamos oferecer-lhes algo que as emocione”.

Curadoria em tempos de WhatsApp

Na era digital, em que há informações por todos os lados, o papel do curador é fundamental. “Estamos assistindo a um processo darwinístico da informação. O indivíduo acessa o Google e vem um vendaval de possibilidades de informação. E isso só está aumentando, a atenção está cada vez mais dispersa. Vivemos numa era em que todos são ao mesmo tempo consumidores e produtores de informação”, observa Dimenstein.

Ainda que em alguns pontos os autores olhem em direções diferentes, tanto Cortella quanto Dimenstein asseguram que a curadoria é necessária para que haja um direcionamento que filtre o que realmente é interessante em meio à avalanche de notícias, mensagens, vídeos e todo tipo de informação que chega até nós diariamente. Afinal, o que importa é saber o que importa.

Sobre os autores

Mario Sergio Cortella é graduado pela Faculdade de Filosofia Nossa Senhora Medianeira, com mestrado em Educação pela Pontifícia Universidade Católica de São Paulo sob a orientação de Moacir Gadotti. Lá também cursou o doutorado em Educação, desta vez orientado por Paulo Freire. Professor titular do Departamento de Fundamentos da Educação e da pós-graduação em Educação da PUC-SP, onde atuou por 35 anos, em 30 deles também esteve ligado ao Departamento de Teologia e Ciências da Religião. Foi secretário municipal de Educação de São Paulo (1991/1992) e membro conselheiro do Conselho Técnico-Científico da Educação Básica da Capes/MEC (2008/2010). É autor de mais de 20 livros, entre eles, Ética e vergonha na cara! (2014), com Clóvis de Barros Filho, e Política para não ser idiota (2010), com Renato Janine Ribeiro, publicados pela Papirus 7 Mares.

Gilberto Dimenstein nasceu em São Paulo (SP), em 1956. Iniciou a carreira como jornalista em 1977, na revista Shalon (SP), da Comunidade Judaica do Brasil. Formado pela Faculdade Cásper Líbero, é comentarista da rádio CBN (SP). Autor de reportagens de repercussão nacional e internacional sobre a violência contra crianças, coleciona em sua jornada a criação da entidade Cidade Escola Aprendiz, do site Catraca Livre e do programa Mais São Paulo. É autor, entre outros livros, de O mistério das bolas de gude: Histórias de humanos quase invisíveis (2006), pela Papirus Editora. Em coautoria, assina: É rindo que se aprende (2011), com Marcelo Tas; Prazer em conhecer: A aventura da ciência e da educação (2008), com Drauzio Varella e Miguel Nicolelis; e Escola sem sala de aula (2004), com Ricardo Semler E Antonio Carlos Gomes da Costa, todos esses publicados pela Papirus 7 Mares.

Sobre a editora
Selo da Papirus Editora, a PAPIRUS 7 MARES foi lançada em 2008 com o livro de poesias Paisagem vista do trem, de Antonio Calloni, e hoje reúne obras que conjugam a razão e a emoção na dose certa, voltadas tanto para aqueles que já são apaixonados pela leitura, como para os que ainda estão em busca de aventuras literárias. Seu catálogo inclui os títulos da bem-sucedida coleção Papirus Debates, além da coleção PresenteArte, na qual se encontra A arte da degustação, livro interativo dirigido aos amantes de vinho.
Captura de Tela 2015-09-22 às 22.01.16
Serviço:
A era da curadoria: O que importa é saber o que importa! Educação e formação de pessoas em tempos velozes
Autores: Mario Sergio Cortella e Gilberto Dimenstein
Editora: Papirus – selo 7 Mares
Páginas: 128
Lançamento: Autógrafos e bate-papo, dia 18/08, no Teatro Brasil Kirin, 3º piso no Iguatemi, Campinas -SP,às 19h30.
Importante: Retirada de ingresso pessoalmente (limite de 2 por CPF) no dia 13/8, das 18h às 20h30 na bilheteria do teatro.

 

 

Comments are closed.